Translate

sexta-feira, 29 de novembro de 2013

Quando é que o Comandante Enzo Peri vai cassar a Medalha do Pacificador dada a José Genoíno? Manter um condenado à prisão no Mensalão com aquela que é uma das maiores honrarias do Exército, em homenagem à coragem, honra e bravura do Duque de Caxias?


A maioria bem intencionada que ama o Exército Brasileiro não para de perguntar nas redes sociais:

“Quando é que o Comandante Enzo Peri vai cassar a Medalha do Pacificador dada a José Genoíno”?

As pessoas de bem protestam que não é justo manter um condenado à prisão no Mensalão com aquela que é uma das maiores honrarias do Exército, em homenagem à coragem, honra e bravura do Duque de Caxias.

Se o EB não revogar a medalha do Genoíno, no processo de revisão histórica pela versão petralha, daqui a pouco, estará escrito que “Luiz Alves de Lima e Silva foi um terrorista, assaltante de banco, sequestrador e assassino sanguinário, companheiro de Genoíno na Guerrilha do Araguaia, que ficou famoso por ter delatado todos que lutaram ao seu lado, quando foi preso pelas forças de repressão da dita-dura”.

Farsa confirmadíssima

Laudo assinado por cinco cardiologistas constatou que o deputado José Genoino (PT-SP) não é portador de doença cardiovascular grave.

Os médicos  Luiz Fernando Junqueira Júnior, Alexandre Visconti Brick, Fernando Antibas Atik, Cantídio Lima Vieira e Hilda Maria Benevides da Silva de Arrudaconcluíram que a cirurgia à qual o petista foi submetido em julho passado corrigiu o problema cardíaco que ele apresentava.

Portanto, Genoíno pode cumprir pena normalmente na penitenciária da Papuda ou em outra cadeia que a Justiça indicar.

O triste é que Genoíno, ajudado pela mídia aliada dos petralhas, conseguiu iludir até o Super Joaquim Barbosa, que autorizou, na semana passada, provisoriamente, que o petista fizesse tratamento médico domiciliar ou hospitalar...

Farsa da Farsa da Farsa

Sem autorização do STF, uma outra junta médica da Câmara examinou ontem o “deputado licenciado” José Genoino para avaliar seu pedido de aposentadoria por invalidez.

O parecer da junta médica deve sair até quinta-feira, antes da reunião da Mesa Diretora da Câmara que decidirá sobre abertura de processo de cassação contra o condenado no Mensalão.

Na verdade, Genoíno já é aposentado da casa, mas deseja o título de “inválido” para ter direito a uma gratificaçãozinha de 100 por cento sobre o provento de deputado aposentado, ou seja, duas vezes R$ 26,7 mil.

Nenhum comentário: