Translate

segunda-feira, 17 de junho de 2013

O Brasil é contra a Copa. E não apóia o evento. O povo não deve temer o seu governo, e sim o governo deve temer o seu povo. Queremos hospitais, escolas, prisão para os corruptos! Quem irá ganhar com esta Copa? Multinacionais, bancos e cartões de crédito.



Aldo Rebelo diz que "governo não vai tolerar protestos que atrapalhem jogos da Copa".

COPA FIFA = 33 BILHÕES

OLIMPÍADAS = 26 BILHÕES

CORRUPÇÃO = 50 BILHÕES

SALÁRIO MÍNIMO = 678 REAIS

BOLSA PROSTITUTA = 2000 REAIS










Você não manda em nós!!!



Segundo o ministro do Esporte, o país assumiu o compromisso e vai realizar o evento.

Um reles ministro quer que sua vontade vá contra o que o povo quer.


Fora Aldo Rebelo!!!(o de bigode)







No dia 2 de março de 2012, o secretário-geral da FIFA 





Jérôme Valckedisse que os organizadores da Copa do 

Mundo FIFA de 2014 precisavam de um "pontapé na 


bunda" para as obras da Copa do Mundo andarem no


Brasil, e afirmou que os  preparativos brasileiros estão em 


"estado crítico". 


As palavras não foram bem recebidas pelo governo 


brasileiro, e o ministro do Esporte, Aldo Rebelo, chegou a 


afirmar que não queria mais Jérôme Valcke como 


interlocutor da FIFA para os assuntos relacionados à Copa 


de 2014. "As declarações são inaceitáveis, inadequadas 


para o governo brasileiro".


O presidente da FIFA, Joseph Blatter,(que foi vaiado junto


com Dilma) havia destituido Jérôme Valcke de seu cargo de


diretor de marketing em dezembro de 2006, depois que 


uma corte de Nova York o considerou culpado, no verão de


 2004, pelas negociações de patrocínio que havia feito com a 


VISA, apesar do acordo existente da FIFA com a sua 


parceira de longa data MasterCard e, portanto, violou o 


direito da MasterCard de "Negociação Preferencial". 


Devido a isso, a FIFA foi multada em 60 milhões de Dólares.


O presidente da FIFA Joseph Blatter disse: "Pessoas fortes 


trarão você de volta. Quando começou seu trabalho como 


diretor de marketing e TV na ​​FIFA quatro anos e meio atrás,


nós estávamos em uma crise financeira. Atualmente, temos 


um patrimônio de 752 milhões de Franco suíço..." 


De acordo com Joseph Blatter, Jérôme Valcke foi destituído 


em dezembro, mas não tinha sido demitido. 


Jérôme Valcke respondeu à sua promoção da 27 junho 


de 2007 em Zurique, com a seguinte declaração: 



"É como um sonho para mim."


E um pesadelo prá nós!

Nenhum comentário: