Translate

terça-feira, 12 de março de 2013

Menino jovem armado, evita pais de serem sequestrados. Divulgue, pois isto não sairá nos jornais, rádios ou TV.

LEIA MAIS: Menino para trama de assassinato com arma; Mídia Nacional ignora história


Outra história pró segunda emenda emenda que você nunca vai ver nas grandes redes de notícias
Paul Joseph Watson & Alex Jones
Infowars.com 08 de março de 2013
Aqui está outra história que você nunca vai ver nas grandes redes de notícias - um garoto do Texas que viu sua irmã e mãe sendo estuprada durante uma invasão de sua casa por dois homens (que tinham um plano para assassinar as três vítimas) foi capaz de agarrar um revólver e colocar os dois indivíduos prá correr.

Imagem: Galveston County Daily News.
"O incidente começou por volta de 04h30 quando dois homens entraram na casa e deixou os três moradores reféns. Durante a invasão de sua casa, a polícia acusou um homem, descrito apenas como branco, de ter abusado sexualmente de duas mulheres ",  relata o Galveston County Daily News .
Os suspeitos, posteriormente nomeado como Charles Allen Jacobson III de 33 anos de idade e James Ellis Barnett 
56 anos de idade 

, em seguida, amarraram as três vítimas e os levaram para um campo próximo. Segundo a polícia, Jacobson deu Barnett uma arma e disse a ele para matar os três reféns, mas Barnett recusou.

Os dois suspeitos, em seguida, se dirigiram de volta para a casa de Anne Drive, Webster, a fim de retirar as  provas. Foi neste ponto que "a vítima do sexo masculino juvenil foi capaz de se libertar e se armar com um revólver que a família teve", disse o presidente-Ray Smiley.
"Ele, então, confrontou os suspeitos, que fugiram do local".
Barnett foi embora no caminhão de coleta de Jacobson, enquanto Jacobson tentou esconder na grama alta perto de uma casa em construção, mas logo foi detido por vizinhos e policiais que o perseguiram. Barnett mais tarde foi parado e preso depois que o veículo foi visto em frente a uma loja de conveniência.

Clique para o alargamento.
Jacobson enfrenta duas acusações de agressão sexual agravada e duas acusações de sequestro agravadas, enquanto Barnett foi acusado de dois crimes de sequestro agravado e uma contagem de roubo agravada.
Apesar de sua gravidade, a história não recebeu atenção da mídia nacional que seja, apresentando apenas em meios de comunicação locais.
Nós só descobrimos a história de Alex Jones, porque estava em férias com a família em Galveston e viu no jornal local. Imagine quantas histórias semelhantes a esta ocorrem em todo o país a cada semana e ainda assim a grande maioria das pessoas nunca ouve falar.
Isso porque a mídia habitualmente não destacar exemplos em que uma arma de fogo é utilizado em auto-defesa para evitar um crime.
No mês passado, um homeme de 70 anos de idade, técnico de basquete meninas em Detroit  estava escoltando duas jogadoras de volta para seus carros depois do treino, quando dois homens abordaram as garotas e tentou roubá-los. O treinador, que tinha uma licença para  transportar a arma, sacou sua arma e disparou contra os dois atacantes que fugiram do local em seguida.

Clique para aumentar.
Em julho do ano passado, um homem de 71 anos impediu e parou um assalto a um café de internet Flórida , atirando para trás em dois homens armados que brandiam armas e ordenou que os clientes ficar no chão e entregar o seu dinheiro. Vídeo do incidente mostra os dois ladrões que fogem quando o homem idoso dispara para eles.
De acordo com um  1993 Pesquisa de Auto-Defesa Nacional  conduzido por Gary Kleck, Ph.D., professor da Escola de Criminologia e Justiça Criminal da Universidade Estadual da Flórida em Tallahassee, os americanos usam armas para defender-se contra um confronto com um criminoso 2,5 milhões de vezes por ano. Isto significa que a cada dia nos Estados Unidos cerca 6.800 pessoas usam armas para se proteger.
Estudiosos Clayton E. Cramer e David Burnett  têm documentado  como "um grande número de tragédias - assassinatos, estupros, assaltos, roubos - foram frustrados pelo uso da arma como auto-defesa."
No entanto, apenas uma fração dos casos aparecem nas notícias locais e raramente algum sai nas notícias nacionais.
Além disso, como a posse de armas aumentou nos Estados Unidos, o crime caiu muito, como o vídeo abaixo explica com as últimas estatísticas de criminalidade do FBI.


Nenhum comentário: