quarta-feira, 18 de julho de 2012

Desembargador do TRT de Goiás é afastado do cargo por suspeita de envolvimento com Cachoeira


Júlio César de Brito era amigo de três integrantes do esquema do bicheiro e teria viajado com um deles para Buenos Aires, na Argentina, com passagens pagas pelo grupo.
O desembargador Júlio César Cardoso de Brito, do Tribunal Regional do Trabalho de Goiás, foi afastado do cargo por suspeita de envolvimento com o contraventor Carlinhos Cachoeira. 
De acordo com o inquérito, Brito era amigo de três integrantes do esquema do bicheiro e teria viajado com um deles para Buenos Aires, na Argentina, com passagens pagas pelo grupo. Além disso, também teria usado um carro do irmão de Cachoeira.
O advogado de defesa do magistrado disse que vai analisar as denúncias.

Nenhum comentário: