quinta-feira, 26 de janeiro de 2012

Autoridades de Moscou permitem protestos anti-Putin

As autoridades de Moscou autorizaram a realização de um protesto da oposição russa, em 4 de fevereiro, que irá representar um novo desafio para o primeiro-ministro Vladimir Putin, exatamente um mês antes da eleição presidencial. Em acordo com a oposição, a Prefeitura de Moscou sancionou a marcha de protesto, que será realizada ao sul do Rio Moscou, com até 50 mil pessoas, informou nesta quinta-feira (26) o vice-prefeito Alexander Gorbenko, à agência de notícias Interfax.
"A prefeitura concordou com uma das variantes apresentadas (pela oposição), que seja aceitável para ambos os lados", disse Gorbenko.

No mês passado, nos dias 10 e 24 de dezembro, houve protestos em massa contra a realização de eleições parlamentares.

Dezenas de milhares de pessoas foram às ruas moscovitas para mostrar o descontentamento crescente com o governo Putin.

Fonte: Agência Estado

Nenhum comentário: